NOTÍCIAS


Universitário do Paraná que morreu após passar mal em hotel em São Paulo completaria 24 anos nesta semana



Vinícius Yudi Kihara da Silva, 23 anos, era estudante do último período de engenharia mecânica. Aluno estava em cidade do interior paulista para competição de Baja. Velório ocorre em Toledo. Vinícius Yudi Kihara da Silva Arquivo Pessoal O acadêmico de engenharia mecânica da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), campus de Foz do Iguaçu, Vinícius Yudi Kihara da Silva, 23 anos, que morreu após passar mal em um hotel em São Paulo completaria 24 anos no dia 27 de abril, contou a mãe dele Telma Kihara. Muito abalada, ela disse ao g1 que o jovem era saudável e que estava animado com o trabalho de conclusão de curso (TCC) que seria apresentado nos próximos meses, uma vez que ele concluiria a graduação no meio do ano. ✅ Siga o canal do g1 PR no WhatsApp ✅ Siga o canal do g1 PR no Telegram “Um filho que a princípio saudável. Estava tão feliz com o TCC dele, o estágio na Unioeste. Era sempre bem participativo nos eventos da universidade”, lamentou a mãe sobre os tanto sonhos interrompidos do jovem. A morte ocorreu na madrugada de domingo (24). Na declaração de óbito, a causa da morte de Vinícius Yudi Kihara da Silva foi descrita como não determinada. A suspeita, segundo a família, é de parada cardíaca. Vinicius estava em São José dos Campos, São Paulo, para participar de uma competição de engenharia. Ele morreu após passar mal no hotel em que a equipe dele – que participava do evento de Baja, competição que avalia veículos ‘off road’ construídos pelos universitários – estava hospedada. Leia também: EXCLUSIVO: Médica suspeita de enganar pacientes com diagnósticos de câncer foi gravada por paciente comemorando retirada de falso melanoma; OUÇA Polícia: Casal morto após discussão com cliente em loja de conveniência receberia R$ 240 para fazer a segurança do local Investigação: O que se sabe e o que falta esclarecer sobre a morte do casal de seguranças em loja de conveniência do Paraná A equipe ‘Cataratas’ é da Unioeste, em Foz do Iguaçu, onde o jovem cursava engenharia mecânica. O corpo dele está sendo velado no salão da Igreja do Jardim Pancera, em Toledo, cidade onde mora a família dele. Ainda não há previsão para o sepultamento. Manifestações A Unioeste lamentou a morte do estudante nas redes sociais. “Vinicius era um estudante engajado, estudioso, amigo de todos e estava nesse fim de semana acompanhando a equipe Baja Cataratas em São Paulo, na principal competição nacional. […] a Unioeste deseja que amigos e familiares recebam nossas condolências nesse momento tão difícil”, diz nota. A equipe do Baja Cataratas também se manifestou nas redes sociais. Não é fácil ver pessoas que amamos partirem sem aviso ou justificação. Gostaríamos de ter terminado essa competição e voltar pra casa todos juntos, felizes e rindo. […] Guardaremos os melhores momentos na memória, as alegrias que passamos juntos, as vitórias alcançadas”, diz nota. Ambas as postagens tem comentários de diversos amigos do jovem lamentando a morte precoce. VÍDEOS: Mais assistidos g1 PR Leia mais notícias da região em g1 Oeste e Sudoeste.

Fonte: G1


25/03/2024 – Prata FM Vale

COMPARTILHE

SEGUE A @PRATAFMVALE

NO AR:
QUINTAL DO NANDO - PRATA FM VALE