NOTÍCIAS


Operação de carregamento de navios causa vazamento de óleo no mar em São Sebastião, SP



Vazamento aconteceu na tarde desta terça-feira (9). Cetesb informou que foram colocadas barreiras de contenção próximas aos navios. Vazamento de óleo aconteceu em São Sebastião nesta terça-feira (9) Divulgação/Cetesb Uma operação de carregamento entre dois navios resultou no vazamento de óleo no mar na tarde desta terça-feira (9) no Terminal Marítimo Almirante Barroso (Tebar), em São Sebastião, no Litoral Norte de São Paulo. Segundo a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), o óleo vazado foi de pequena proporção e a quantidade ainda é estimada. Já a Transpetro, subsidiária da Petrobras, informou que apura as causas da ocorrência – leia mais abaixo. ✅ Clique aqui para seguir o canal do g1 Vale do Paraíba e região no WhatsApp Foto aérea mostra o Tebar, o terminal de petróleo da Petrobras em São Sebastião, SP Divulgação/ Petrobras A Cetesb explicou que o vazamento aconteceu durante uma operação conhecida como ‘ship to ship’ realizada pela Transpetro. O problema aconteceu na conexão de uma mangueira de abastecimento. Segundo a Cetesb, inicialmente o óleo vazado ficou retido entre os dois navios. No entanto, parte do produto acabou sendo arrastado pela maré para o meio do canal de navegação, o que causou reflexos brilhantes na água. Após o vazamento, a Cetesb afirmou que Transpetro instalou barreiras de contenção no entorno dos navios. Oito lanchas trabalharam nas operações de batimento e dispersão mecânica da mancha presente no canal. Segundo a Cetesb, o óleo não atingiu nenhuma praia da região e se deslocou para alto mar. A Companhia afirmou que “permanecerá monitorando a situação, mas a possibilidade desta iridescência vir a prejudicar a balneabilidade das praias ainda é remota”. Operação de limpeza A Cetesb afirmou que ainda na terça-feira foi feito um trabalho de lavagem do costado dos navios. Parte do material que vazou no mar foi recolhido por absorção. Nesta quarta (10), o órgão afirmou que será realizada uma avaliação do acidente, das ações emergenciais e das providências tomadas pelos representantes do Tebar para conter o vazamento. A Cetesb disse que serão aplicadas as medidas administrativas cabíveis. Em nota, a Transpetro afirmou que detectou e conteve o vazamento de petróleo na terça-feira. “Imediatamente a companhia interrompeu a transferência do produto entre as embarcações e acionou suas equipes de resposta à emergência para conter o óleo vazado. A companhia está investigando as causas da ocorrência. A Transpetro reafirma seu compromisso com as regiões onde atua, com respeito à segurança, ao meio ambiente e às pessoas”, disse em nota. O Ibama informou que “acionou o grupo Plano de Área de São Sebastião para acompanhamento e mantém contato com os órgãos estaduais para apoiar no controle do acidente”.

Fonte: G1


10/01/2024 – Prata FM Vale

COMPARTILHE

SEGUE A @PRATAFMVALE

NO AR:
ALÔ BOM DIA 1ªED - PRATA FM VALE