NOTÍCIAS


Caraguatatuba usa drones para vistoriar casas de veraneio em combate contra a dengue



Cidade tem mais de 800% de aumento nos casos confirmados da doença neste ano. Caraguatatuba usa drones para vistoriar casas de veraneio em combate contra a dengue Divulgação/Prefeitura de Caraguatatuba Caraguatatuba passou a usar drones para reforçar o combate ao mosquito da dengue – os casos na cidade do Litoral Norte de São Paulo também estão em alta. De acordo com a prefeitura, foram confirmados 101 casos da doença em janeiro deste ano. O número é 818% maior do que no mesmo mês em 2023, que teve 11 casos. ✅ Clique aqui para seguir o canal do g1 Vale do Paraíba e região no WhatsApp Caraguá usa drones para combater a dengue Outro número alarmante é o da Avaliação de Densidade Larvária (ADL), que teve o primeiro resultado do ano divulgado na última semana. O índice obtido após a vistoria em três mil casas foi de 6%, o que coloca a cidade em risco. Por conta disso, a prefeitura decidiu reforçar o combate ao mosquito Aedes aegypti – que também transmite chikungunya e zika – com tecnologia, por meio dos drones. “O drone é para nos auxiliar nas casas de veraneio que ficam abandonadas. Ficam meses abandonadas, com mato alto e piscina. Identificamos algumas casas na região da Martin de Sá e vamos notificar os proprietários para que eles possam fazer a limpeza. Caso isso não aconteça podemos até multa-los”, explica o secretário de saúde Gustavo Bohe. Combate ao mosquito da dengue em Caraguatatuba Divulgação/Prefeitura de Caraguatatuba Além disso, as ações de conscientização seguem. No último sábado (3), 400 agentes visitaram cerca de sete mil imóveis na região entre os rios Guaxinduba e Santo Antônio, no Centro de Caraguatatuba. Os agentes explicaram aos moradores sobre a importância de manter a casa limpa. “Pedimos ajuda de todos para que a gente possa melhorar e eliminar totalmente os criadouros dos mosquitos da dengue”, diz Bohe. Ainda segundo o secretário, as regiões mais críticas da cidade em relação aos casos da doença são a Zona Sul e, principalmente, a Zona Norte, onde a ADL registrou altos índices de infestação. Moradores com sintomas da dengue – veja quais são abaixo – podem procurar atendimento médico em qualquer Unidade de Pronta Atendimento (UPA) ou Unidade Básica de Saúde (UBS). Casos de dengue aumentam 2.340% em Taubaté nos primeiros dias de 2024 Acácio Pinheiro/Agência Brasília. Sintomas Entre os principais sintomas dos pacientes com dengue estão: dor de cabeça febre alta de 38°C dor no corpo e articulações falta de apetite fraqueza dor atrás dos olhos manchas vermelhas no corpo O mosquito africano Aedes aegypti é o transmissor da dengue, ou melhor, a fêmea do mosquito Freepik Cuidados necessários não deixar água parada usar telas em janelas prevenir a proliferação do mosquito descartar pneus velhos no local correto colocar areia até a borda dos pratinhos das plantas manter as calhas sempre desobstruídas deixar a caixa-d’água sempre fechada e limpa Mosquito Aedes aegypti em local com água parada Prefeitura de Porto Velho/Divulgação

Fonte: G1


06/02/2024 – Prata FM Vale

COMPARTILHE

SEGUE A @PRATAFMVALE

NO AR:
MADRUGADA SERTANEJA - PRATA FM VALE